Sua carreira pode te levar aos Estados Unidos!

Aug 02, 2020

Apesar de todas as restrições impostas aos brasileiros, neste período de pandemia, devido ao COVID-19, como a locomoção e suspensão temporária em alguns tipos de visto, para ingressar com novos processos para residência permanente nos Estados Unidos, como L-1 – conhecido como visto de trabalho temporário, mas suspenso até 31 de dezembro de 2020, os processos imigratórios continuam acontecendo. Por isso, prepare-se!

Para isso, o primeiro passo é consultar um bom advogado, especialista em Imigração, que irá avaliar seu caso, em particular. Você deve ter a consciência de que cada caso é um caso e a experiência do profissional que o auxiliará é de extrema importância para sua história ser de sucesso.

No escritório Kravitz & Guerra Law Office, que servem a Comunidade Internacional há quase 40 anos e experiência combinada de mais de 60 anos, você tem a confiança da expertise e trabalho árduo pela sua cidadania.

Vistos que requerem seu currículo

Mesmo com a suspensão na emissão de alguns tipos de visto, como o J-1 – concedido a trabalhadores de curto prazo -, visando a proteção das vagas de emprego para os cidadãos americanos, você pode ingressar com pedido de imigração como O-1 (habilidade extraordinária, estadia temporária), F-1 (Estudantes) e E-B1, baseado em emprego.

Para se qualificar para o visto O-1, o indivíduo deve ser patrocinado por uma empresa ou um agente nos Estados Unidos.

Esse tipo de visto é destinado a indivíduos que desejam trabalhar temporariamente nos Estados Unidos, por um período de até três anos, podendo ser estendido por um período de mais um ano, ou até que o projeto seja concluído.

Cônjuge e filhos menores de 21 anos podem acompanhar o requerente do visto O-1 aos EUA com um visto O-3. No entanto, os dependentes não são autorizados a trabalhar nos EUA, mas podem frequentar escola ou faculdade.

Esse é o mais popular para aqueles que desejam estudar nos Estados Unidos. O visto F-1 se aplica a uma ampla variedade de instituições educacionais, incluindo desde faculdades até escolas primárias particulares.

Para aplicar para esse visto, você precisa ser aceito em uma instituição de ensino nos Estados Unidos, antes de solicitá-lo. Com a carta de aceitação, você poderá solicitar o F-1. Cônjuge e filhos recebem vistos F-2 e também podem estudar na maioria dos casos, mas podem não funcionar.

EB-1 – Capacidade baseada em emprego permanente (Green Card), geralmente comprovada através da demonstração de “aclamação nacional ou internacional”. Nenhuma oferta de emprego é necessária nesta instância.

Você também pode ser elegível para o EB-2, um Green Card baseado no trabalho, se você é membro de uma profissão, possui um diploma avançado ou equivalente ou é uma pessoa com capacidade excepcional.

Você pode ser elegível para um visto de segunda preferência baseado em emprego se você for um membro das profissões que possuem um grau avançado ou equivalente, ou um cidadão estrangeiro que tenha uma capacidade excepcional.

O trabalho que você solicitar deve exigir um grau avançado e você deve possuir tal grau ou seu equivalente (um grau de bacharelado, mais 5 anos de experiência profissional progressiva no campo).

A diferença entre os vistos O-1 e EB-1 é que o EB-1 é uma residência permanente, o que significa que você terá um Green Card. O visto O-1, por sua vez, é para não-imigrantes, ou seja, as pessoas podem trabalhar no país por até três anos, ou mais, se renovadas.

Fonte:  www.kravitzlaw.com

Inscreva-se e receba informações sobre investir e Imigrar para os Estados Unidos

Close

50% Complete

Two Step

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua.